Comentários recentes

Votação

Em que estado comprou a sua moto?
Novo
37%
Semi-novo
27%
Usado
32%
Vintage
4%
Votos totais: 285

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.

A moto Ducati Streetfighter

A Streetfighter é uma das motos mais carismáticas da Ducati no panorama motociclístico mundial. Conheça a moto Ducati Streetfighter e compreenda o porquê desta moto representar os ideais das “lutadoras de rua”.

A streetfighter é um dos modelos da Ducati mais apreciados pelos motociclistas apaixonados pela marca. Trata-se de um tipo de moto com um estilo inconfundível, uma vez que une o espírito guerreiro de uma Superbike à elegância de uma Naked desportiva.

História da Ducati Streetfighter

A sua produção começou no ano de 2008 quando os responsáveis da marca italiana procuraram construir a melhor moto no segmento das desportivas, isto é, aquela que fosse a mais rápida e a mais eficaz em todos os aspetos. Nesse sentido, a streetfighter não pode ser comparada à Ducati Monster , na medida em que é uma moto desenhada para todos os pilotos mais experientes, que não querem a limitação ergonómica de uma desportiva pura. No fundo é uma moto que reuniu a tecnologia mais avançada, apresentando um estilo minimalista e um design elegante, tipicamente italiano, com controle de tração de série sendo considerada, por isso, um verdadeiro puro-sangue no asfalto.

A Ducati Streetfighter S

A Streetfighter S é uma Superbike da Ducati que será comercializada somente em 2011. É conhecida por ter uma alma própria que combina uma atitude guerreira com o desempenho puro de uma Naked. É uma moto que traz consigo todos os ideais da cultura streetfighter que nasceram das competições realizadas nas estradas da Europa do Norte durante as décadas de 70 e 80.
A filosofia do “menos é mais” da Ducati  nasceu dos ideais que o modelo Streetfighter defende, nomeadamente a leveza, competição, potência e máxima adrenalina de condução e isso são conceitos que atraem os riders mais aventureiros, que anseiam em dominar o asfalto.

Os aspetos que mais impressionam na Ducati Streetfighter S são as suas formas reduzidas (traseira curta e frente rebaixada), a sua potência e leveza. Os 155 cv de potência advêm do motor Testastretta Evoluzione, que foi o responsável pelos títulos de Superstock e Superbike no ano de 2007. Estes são apontamentos únicos que fazem com que um motociclista e a sua moto se unam num só, o que garante uma condução mais realista e emocionante, distinguindo a Ducati Streetfighter das demais.

As principais características da Ducati Streetfighter S

A Streetfighter S é uma Superbike da Ducati que tem qualidades únicas que a diferenciam das restantes. Das características principais, destacam-se as seguintes:

  • Apresenta um motor bicilíndrico em “L” Testastretta Evoluzione com quatro válvulas por cilindro desmodrômico e um propulsor de 1099 cm3 que é arrefecido a ar. Tem 155 cv de potência a 9500 rpm e torque de 11,7 Kgfm a 9.500 rpm;
  • A alimentação é mediante um sistema de injeção eletrónica Marelli, tem ignição eletrónica e a caixa de velocidades é manual com 6 velocidades;
  • A Streetfighter S tem um depósito com capacidade de 16,5 litros e o nível de emissões de gases está conforme a norma Euro3, o que indica que a sua prestação na estrada é o mais ecológica possível;
  • Oferece um quadro Trellis de aço tubular (ALS 450), com uma distância de 1475 mm entre os eixos. Tem uma posição de condução confortável, envolvente e de baixo peso (167 kg), o que aumenta a agilidade da condução;
  • Apresenta um sistema de escape 2-1-2 com conversor catalítico e tubos de fluxo com um diâmetro entre 58 e 63,5 mm. Tem dois escapes com um design agressivo e dois silenciadores empilhados do lado direito, que sonorizam toda a potência de um motor Ducati;
  • Oferece um pneu traseiro largo, nomeadamente o Pirelli Diablo Corsa 3 de 190/55 ZR17, o que permite uma condução segura em qualquer tipo de piso. Os pneus da frente também são Pirelli Diablo Corsa 3 e obedecem à medida de 120/70 ZR17;
  • A Streetfighter é totalmente ajustável e a sua suspensão dianteira é uma forquilha Öhlins com bainhas de 43 mm. Na traseira, surge um mono amortecedor Öhlins com pré-carga da mola e recuperação de ajuste de amortecimento, que melhora consideravelmente a estabilidade da condução;
  • A Streetfighter S tem travões potentes de disco na dianteira e traseira. O travão frontal recorre a dois discos de 320 mm com pinças de 4 pistões radiais e monobloco Brembo. Na traseira, utiliza um disco único de 245 mm, com dois pistões;
  • Oferece um pack de segurança Ducati (DSP), com Tração de Controle Ducati (DTC) para um melhor domínio e segurança de todos os parâmetros da condução.