Comentários recentes

Votação

Em que estado comprou a sua moto?

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.

A moto Kawasaki ZX6R & ZX6RR & ZX10R

A Kawasaki é uma das marcas de motos que, ao longo da sua história, sempre teve uma enorme preocupação na produção de motos desportivas. Saiba um pouco mais acerca das motos Kawasaki ZX6R, ZX6RR e ZX10R e conheça toda a magia da série Ninja.

A Kawasaki ZX6R

A Kawasaki ZX6R é uma moto desportiva de 600 cm3 de cilindrada que se distingue pela sua velocidade, estampa física e robustez das suas carenagens. A sua produção começou no ano de 1995 e tem sido constantemente atualizada ao longo dos anos, com o intuito de dar uma resposta mais eficaz aos modelos apresentados pela concorrência, nomeadamente a CBR600F da Honda, a GSX-R600 da Suzuki e a YZF-R6 da Yamaha. A Kawasaki ZX6R é também conhecida como ninja, pois revela toda a essência das motos desportivas que começaram a ser comercializadas com a GPZ900R desde o ano de 1984. A Kawasaki ZX6R foi a primeira moto desportiva de média cilindrada, desde a GSXR600 da Suzuki, com um quadro em alumínio. A ZX6R começou a ser comercializada com um peso total de 206 kg e tinha a capacidade de acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,6 segundos, o que fez as delícias dos riders mais aventureiros.

As principais alterações na Kawasaki ZX6R

Com o passar dos tempos e com o intuito de se aproximar mais da sua concorrência direta, a Kawasaki efetuou uma série de alterações na ZX6R. Das mais importantes, evidenciam-se as seguintes:

  • Todas as peças do motor e chassis foram reavaliadas e a nova Ninja ZX6R ficou cerca de 10 kg mais leve do que a sua antecessora;
  • Ao motor foram adicionados mais de 1500 rpm, o que resultou num evidente ganho de poder;
  • Apresentava dois grandes discos dianteiros semi-flutuantes de 300 mm de aço, em formato de pétala e um disco traseiro de 220 mm também em formato de pétala que proporcionava uma travagem segura e eficaz;
  • Oferecia um amortecedor de direção Öhlins ajustável com válvula de alívio e duplo tubo, o que garantia um amortecimento estável em todas as condições de competição. Introduziu-se o novo BPF (Big Piston Front Fork) e o pistão principal passou a ter quase o dobro do diâmetro (37mm), o que permitia que a pressão de amortecimento fosse reduzida e garantia um excelente comportamento nas travagens.
  • As melhorias no chassis resultaram numa maior rigidez e menor peso do veículo;
  • Foi introduzido um painel de instrumentos digital e o sistema RAM AIR foi movido para o centro sobre o farol que atravessava o cabeçote.

A Kawasaki ZX6RR

A Kawasaki ZX6RR surgiu em 2003 como resposta aos novos modelos da concorrência, mas também para singrar nas pistas de competição. Os responsáveis da marca japonesa decidiram que era urgente atualizar a cilindrada das motos de 600 cm3 tradicionais. Nesse sentido, os motores foram modernizados e passaram a ser de 636 cm3 e 599 cm3. A produção dos motores de 636 cm3 destinava-se a todos os motociclistas que faziam uma utilização normal do seu veículo de duas rodas, ao passo que a produção dos motores de 599 cm3 dirigia-se a todos os riders que procuravam a competição. Assim, com uma produção limitada de motores, nasceu a Ninja ZX6RR que prometia revolucionar as pistas de competição em todo o mundo.

As alterações realizadas na Kawasaki ZX6R foram efetuadas na Ninja ZX6RR e isso permitiu que esta última ganhasse vários prémios, como o da classe Supersport para a categoria Masterbike (competição anual que determina a melhor moto desportiva do ano) nos anos de 2004 e 2005.

A Kawasaki ZX10R

A ZX10R é uma moto desportiva da Kawasaki que começou a ser produzida em 2004 e teve como antecessora a Kawasaki ZX9R. Trata-se de um tipo de moto que foi produzida para todos os riders que são apreciadores das altas velocidades e é por isso que ela é considerada a derradeira Supersport. À semelhança da CBR1000RR da Honda, a ZX10R foi concebida para ser a número um das pistas de competição e garante a melhor performance em qualquer tipo de circuito. O modelo ZX10R da Kawasaki destaca-se pelo seu estilo agressivo, potência, tecnologia e manuseabilidade e oferece uma experiência única a todos os que querem explorar os seus limites.

As principais características da Kawasaki ZX10R

A Kawasaki ZX10R é um fenómeno na estrada e nas pistas de corrida e isso deve-se às suas características. Das mais importantes, distinguem-se as seguintes:

  • Apresenta um motor com uma cilindrada de 998 cm3, de 4 cilindros em linha DOHC e 16 válvulas. É um motor de quatro tempos com refrigeração líquida, lubrificação forçada e cárter húmido com óleo refrigerado. Tem uma potência máxima de 138.3 kW /12,500 rpm e um binário máximo de 113 Nm/8,700 rpm;
  • O sistema eletrónico tem ignição digital, sendo que o arranque é elétrico e o sistema de injeção de combustível é duplo e é composto por quatro carburadores Keihin de 43 mm com sub-corpos ovais de acelerador;
  • O tipo de transmissão é de 6 velocidades, o diferencial traseiro utilizado é o de corrente selada e a embraiagem é multidisco e manual;
  • Tem um quadro de dupla trave superior em alumínio com uma inclinação de 25,5 graus e Trail de 110 mm. Os pneus traseiros obedecem à medida de 190/55ZR17M/C e os dianteiros 120/70ZR17M/C. É de destacar que o ângulo da direção é de 27 graus;
  • A suspensão frontal apresenta uma forquilha telescópica com bainhas de 43 mm com revestimento DLC. Por outro lado, à retaguarda, apresenta um sistema Uni-Trak com amortecedor a gás. A nova suspensão (Big Piston Front Fork) com tubo de 43 mm é um dos fatores que mais contribui para a enorme capacidade de travagem da nova Ninja ZX-10R;
  • Ostenta discos duplos de 310 mm em forma de pétala nos travões dianteiros. No que diz respeito aos travões traseiros, predomina a utilização de um disco simples em forma de pétala de 220 mm com um pistão de alumínio;
  • Oferece um controlo de tração que é um sistema extremamente sofisticado com base na tecnologia utilizada em Moto GP. O S-KTRC foi concebido para maximizar a força de arranque, permitindo sempre que a moto tenha tração.  O sistema analisa uma série de parâmetros de modo a obter a relação em tempo real do que está a acontecer: a velocidade das rodas dianteiras e traseiras (deslizamento), variação de rotação do motor, posição do acelerador, quantidade de derrapagem, variação de aceleração, entre outros. O S-KTRC calcula as variáveis a cada 5 milissegundos e regula a ignição;
  • A Kawasaki ZX10R apresenta uma distância entre eixos de 1415 mm, 2110 mm de comprimento, 710 mm de largura, 1135 mm de altura e um peso total de 208 kg. Realça-se que a altura do assento é de 830 mm e a capacidade do depósito de combustível é de 17 litros.